domingo, 30 de janeiro de 2011

Deus, Uma Piada ou... O Evangelho Segundo Fernando (Fernando Thomazi - 2010)

Você ainda acredita num Deus que “supostamente” foi capaz de queimar crianças vivas em Sodoma e Gomorra para castigar os pais delas?!... Então, está na hora de você rever os seus conceitos! Leia...

Contracapa do livro: Já se perguntou... E se Jesus, em vez de carpinteiro, fosse ginecologista? E se ele tivesse feito exame de toque retal apenas para nos servir de exemplo? E se ele fosse adepto do auto-erotismo? E se ele tivesse um romance com Maria Madalena para sentir na pele não apenas o sofrimento humano, mas também os prazeres e sentimentos igualmente humanos? Ou seja, por que o sofrimento é algo mais moral e louvável do que o romantismo entre homem e mulher? E se Abraão tivesse desobedecido à ordem de Deus de tirar a vida de um ser humano inocente, no caso, seu filho Isaque? E se Jó tivesse blasfemado contra Deus, após uma terrível sessão de tortura com ferro em brasa? E se os bombeiros de Sodoma e Gomorra tivessem se esforçado até o último fôlego de vida para salvar o maior número possível de crianças de serem queimadas vivas por Deus?... Você não acha que já está na hora de rever alguns conceitos? Eu não acharia imoral um deus ter se materializado na forma humana e feito amor com uma mortal para conceber um semideus... Mas, eu acharia extremamente imoral e antiético Deus ter queimado crianças vivas em Sodoma e Gomorra para castigar os pais delas... se isso realmente tivesse acontecido! Originalmente escrito para simples entretenimento de ateus, este livro, nesta versão, foi totalmente reestruturado de modo a torná-lo engraçado especialmente para cristãos. Com ele eu não pretendo ofender ou desrespeitar nenhum sentimento religioso, mas apenas imaginar situações alternativas e inusitadas para alguns personagens bíblicos mais conhecidos, fazendo disso um saudável exercício para reflexão, usando o humor como veículo. Por exemplo, se Jesus tivesse defendido o casamento gay e seu reconhecimento como algo digno e legítimo, será que teríamos tantos casos de intolerância e assassinato contra homossexuais nos últimos milênios? Afinal, não é exatamente “isso” que significa amar ao próximo como a si mesmo? Permitir que as pessoas sejam felizes à sua própria maneira... Enfim, acredito que a mitologia judaico-cristã merece o mesmo respeito que os deuses de todas as demais mitologias. Por isso, nenhum personagem mitológico sofreu maus tratos durante a composição desta obra. (Fernando Thomazi)

“Deus, Uma Piada não conseguiu me surpreender! Totalmente previsível! Agora, se isto tem a ver com a minha onisciência, aí eu já não sei dizer! Lembrando que eu apenas autorizei a publicação da minha biografia versão humorística, porque o Fernando, apesar de ateu, tem bom coração.” (Deus)

Orelhas do livro: Este livro representou, para mim, um desafio: Como fazer crítica à religião com humor e ao mesmo tempo de maneira ética e respeitosa? A religião deve mesmo ser considerada o único campo do conhecimento humano imune à crítica irreverente? Na minha humilde opinião, toda crítica é válida quando ela possui um propósito positivo. Quando ataco a figura de Deus, não estou atacando o Deus de Einstein (leis da física que regem o universo) nem o de Spinoza (a harmonia do universo), os quais representam conceitos coerentes de um Deus não pessoal. Mas, que dizer da alegação bíblica de que Deus supostamente “queimou crianças vivas em Sodoma e Gomorra para castigar os pais delas”? Será mesmo possível que um deus amoroso, todo poderoso e todo sabedoria não seria capaz de imaginar um método pedagógico de ensino menos violento e muito mais ético e moral do que o proposto pela Bíblia? Qualquer idiota pensaria em algo melhor! Se realmente existisse um Deus justo e perfeito, seria uma tremenda imbecilidade não reverenciá-lo! Apresentem-me um Deus coerente, ético e moral e eu serei o 1º a admirá-lo por seus próprios méritos e não por uma ordem que eu deva seguir cegamente ou sob ameaça de punição eterna! É a “alegação fantástica e absurda” sobre Deus que é engraçada! Portanto, o alvo principal da minha crítica é a “caricatura” formada sobre Deus através da história, e não a pessoa de Deus em si mesma, seja ele quem for ou o que quer que este nome represente! Esta é uma diferença importante, que merece ser salientada, para que o meu leitor não seja induzido ao erro. Por exemplo, se eu lhe dissesse que o verdadeiro Deus é o Monstro Espaguete Voador Gigante que nos promete um vulcão de cerveja para todos no paraíso pós-morte, qual seria sua reação? Naturalmente cairia na risada. Esta é a exata reação que eu espero provocar nos meus leitores ao considerarem um suposto deus que: ordena o massacre de povos inteiros ao fio da espada, (incluindo mulheres grávidas, crianças e bebês de colo!) para tomar a terra deles; afoga ou queima crianças vivas (dilúvio e Sodoma e Gomorra); cria leis homofóbicas (inclusive com pena de morte!); permite escravidão e cria um inferno de fogo para castigar eternamente as pessoas que “tão somente” duvidaram de Sua existência! (Marcos 16:16) E tudo isso em vez de simplesmente puxar uma cadeira e discutir o assunto conosco de maneira ética, polida e civilizada. Seja honesto! Depois de ser apresentado a um deus com tais atributos, você seria capaz de esboçar qualquer outra reação a não ser um riso puro e sincero?

Fernando Thomazi nasceu em Campinas/SP em 1976, é servidor público estadual, possui diversas formações, cursa pedagogia e é ateu desde os 15 anos de idade. Autor de centenas de obras literárias, todas inéditas, este livro representa sua estréia como escritor, abordando o delicado tema da crítica à religião com humor.

SUMÁRIO

AUTORIZAÇÃO ESPECIAL - pg. 12
PREFÁCIO: POR QUE DAMOS RISADA? PEQUENA INTRODUÇÃO À ARTE DO RISO - pg. 13
SOBRE O NOME DO LIVRO - pg. 16
SOBRE A CAPA DO LIVRO - pg. 16
SOBRE A INSPIRAÇÃO PARA O LIVRO - pg. 17
SOBRE O ASPECTO LEGAL DA OBRA - pg. 22
1 - NO PRINCÍPIO, O DEUS OCIOSO (EU NÃO DISSE “VAGABUNDO”) CRIA A SI
MESMO “Y OTRAS COSITAS MÁS” - pg. 27
2 - DEUS VAI À FEIRA CÓSMICA E LEVA A SUA PRÓPRIA SACOLA BIODEGRADÁVEL - pg. 29
3 - DEUS, SEM MANUAL DE INSTRUÇÕES DO UNIVERSO, DEMORA 6 DIAS PARA
CRIÁ-LO - pg. 33
4 - DEUS ESQUECE QUE É ONISCIENTE E TESTA A OBEDIÊNCIA DE ADÃO E EVA PARA
“DESCOBRIR” QUE BICHO QUE DÁ - pg. 43
5 - DESEMPREGADOS, ADÃO E EVA DECIDEM COMER O PÃO QUE O DIABO
AMASSOU PARA ACOMPANHAR O RESTO DA TORTA DE MAÇÃ PROIBIDA - pg. 53
6 - DEUS PERCEBE A PORCARIA QUE VIROU A SUA CRIAÇÃO E TENTA FAZER UNS
REMENDOS MEIO “NAS COXAS” ENQUANTO NÃO MANDA UM SALVADOR DA HUMANIDADE - pg. 55
7 - OS ANJOS, AO VEREM AS MULHERES DA TERRA, FICAM “ENTUSIASMADOS”, SE
MATERIALIZAM NA FORMA HUMANA E SAEM NA NIGHT PARA CATAR MULHER - pg. 57
8 - DEUS, NUM ACESSO DE FÚRIA DESCONTROLADA E SEM CAMISA DE FORÇA,
DECIDE MATAR TODO MUNDO AFOGADO, INCLUSIVE OS PEIXES (xiiiii!!!) - pg. 63
9 - COMO DEUS HAVIA PROMETIDO A NÓE DE NUNCA MAIS DESTRUIR O MUNDO COM
ÁGUA, RESOLVEU PEGAR LEVE DESTA VEZ: DESTRUIU SODOMA E GOMORRA COM FOGO E ENXOFRE APENAS! - pg. 71
10 - LÓ, JÁ NA SECA HÁ VÁRIOS DIAS, DECIDE FAZER UM MENAGE-A-TROIS COM AS
2 FILHAS - pg. 77
11 - DEUS TESTA A FÉ DE ABRAÃO PARA SABER O QUANTO ELE É IDIOTA - pg. 81
12 - MOISÉS DIVIDE O MAR VERMELHO E RECEBE O OSCAR DE EFEITOS ESPECIAIS - pg. 89
13 - OS 617 MANDAMENTOS VERSÃO ORIGINAL SEM CORTES, DOS QUAIS, DEPOIS
DE PASSAR PELA AVALIAÇÃO DO CONSELHO DE ÉTICA, RESTARAM APENAS OS 10 MANDAMENTOS MELHORZINHOS - pg. 103
14 - MOISÉS EM: A DURA JORNADA DE TRABALHO NUM DIA DE GUERRA “SANTA” - pg. 119
15 - JOSUÉ, O AMESTRADOR DE SOL - pg. 123
16 - COMO O TESTE DE ABRAÃO FOI INCONCLUSIVO, DEUS DECIDE PEGAR JÓ
“PARA CRISTO” DESTA VEZ (UMA ESPÉCIE DE AQUECIMENTO ANTES DA VINDA DE JESUS) - pg. 125
17 - ELISEU E SEU REVOLUCIONÁRIO MÉTODO PEDAGÓGICO DE ENSINO:
FAZER DUAS URSAS DESPEDAÇAR 42 MENINOS - pg. 139
18 - CALMA, PESSOAL! JESUS SÓ FOI ALÍ DAR UMA SALVADINHA RÁPIDA NO MUNDO
E VOLTA JÁ! - pg. 143
19 - UM AMORZINHO GOSTOSO REALMENTE DIVINO - pg. 145
20 - AS AVENTURAS DO ESPERMATOZÓIDE JESUS EM BUSCA DO ÓVULO SAGRADO
DE MARIA - pg. 151
21 - JESUS É PARIDO E REALIZA O SEU 1º MILAGRE: NASCER DE PARTO NORMAL
E AINDA PRESERVAR A VIRGINDADE DE SUA MÃE - pg. 155
22 - JESUS: UM EXEMPLO A SER SEGUIDO! (ELE FAZ EXAME DE PRÓSTATA TODOS
OS ANOS) - pg. 159
23 - JESUS É TENTADO NO DESERTO. MAS TENTAÇÃO MESMO É A MARIA MADALENA...
Ô COISA BOA! - pg. 161
24 - JESUS, “O MÁGICO”, ENSINA A PEDRO O TRUQUE DE ANDAR SOBRE AS ÁGUAS - pg. 163
25 - JESUS, CAPITÃO DO TIME, PISA FEIO NA BOLA - pg. 167
26 - JESUS, O “MÁGICO”, REÚNE PÚBLICO PAGANTE PARA A MÁGICA DA
MULTIPLICAÇÃO
DE NOTAS DE R$ 100,00 COM MESMO NÚMERO DE SÉRIE - pg. 169
27 - A PARÁBOLA DO BOM ATEU - pg. 175
28 - JESUS E O SERMÃO DO MONTE. TEM ESSE NOME POR CAUSA DO “MONTE”
DE “COISAS” QUE ELE FALOU LÁ! - pg. 179
29 - MARIA MADALENA, A VERDADEIRA PAIXÃO DE CRISTO, FAZ JESUS CAIR EM
PECADO. MAS, COMO JESUS É DEUS, ELE SE AUTO PERDOA PARA ESCAPAR
DO INFERNO - pg. 183
30 - JESUS ENSINA A ORAÇÃO DO PAI-NOSSO VERSÃO POLITICAMENTE
CORRETA - pg. 189
31 - A SANTA CEIA ONDE JESUS É CARINHOSAMENTE COMIDO PELOS
APÓSTOLOS (“COMIDO” DE MANEIRA SIMBÓLICA, É BOM LEMBRAR!) - pg. 191
32 - JESUS ABRE O BERREIRO NO JARDIM DO GETSÊMANI: PAI, SOME COM ESSE
CÁLICE DA MINHA FRENTE! - pg. 203
33 - JESUS TOMA UM CACETE BEM DADO - pg. 207
34 - JESUS NA CASA DOS ARTEIROS: QUEM DEVE DEIXAR A CASA, JESUS OU
BARRABAS? - pg. 213
35 - JESUS NO CALVÁRIO. NO CALVÁRIO VERDADEIRO, E NÃO AQUELA PIADINHA
INFAME COM A MARIA MADALENA - pg. 221
36 - JESUS RESSUSCITA AO 3º DIA, MAS PÕE O RELÓGIO PARA DESPERTAR COM
MEDO DE PERDER O HORÁRIO - pg. 231
37 - JESUS, O FANTASMINHA CAMARADA, APARECE PARA OS APÓSTOLOS - pg. 235
38 - JESUS SE AVENTURA EM SER MOCHILEIRO E VOLTA PARA O CÉU DE CARONA
NO DISCO VOADOR (E PEDIU POLTRONA COM JANELINHA, PODE!?) - pg. 241
39 - DE VOLTA AO CÉU... NÃO HÁ LUGAR NO UNIVERSO IGUAL À CASA DA GENTE! - pg. 247
40 - ENTREVISTA EXCLUSIVA COM DEUS (A IGREJA UNIVERSAL E A REDE GLOBO
DEVEM ESTAR SE MORDENDO DE INVEJA!) - pg. 253

Dados do Livro
Livro: Deus, Uma Piada ou... O Evangelho Segundo Fernando (versão censurada)
Autor: Fernando Thomazi
Lançamento: 2010 (1ª edição janeiro/2011)
Editora: Gráfica Foca – Amparo/SP
Registro ISBN: 978-85-63474-08-7 (confira o livro no site da Biblioteca Nacional)
Nº de páginas: 272
Peso: 420 gramas
Formato: 15 x 21 cm
Papel miolo: Pólen Bold 90g/m²
Papel capa: Cartão Supremo 250g/m²
Exemplares no estoque: 254

Como Adquirir:

Através de depósito bancário no Banco do Brasil S/A, seguido de entrega em qualquer lugar do Brasil pelo Correio.
Valor do Livro: R$ 25,00.
Valor do registro postal: R$ 10,00 para todo o Brasil.
Acima de 1 exemplar eu faço o preço de custo: R$ 20,00 + registro postal (sob consulta).
Entre em contato com o autor pelo e-mail: fernando.thomazi@itelefonica.com.br
, ou adicione o mesmo e-mail no MSN (apenas amigos!) para tirar dúvidas e receber o número da conta corrente onde deverá ser efetuado o valor do depósito (valor do livro + registro postal). Assim que eu receber a confirmação do depósito, enviarei o livro o mais rápido possível. Para aqueles que ficaram curiosos, mas não estão dispostos a comprar, não se preocupem! Na próxima postagem estarei disponibilizando o 1º capítulo na íntegra. Mais a frente estarei disponibilizando o e-book completo para download. Aguardem!

Abaixo, outros links onde o autor pode ser encontrado (para obter referências do mesmo): Minha página no Youtube Minha página de arquivos diversos para download aqui. Comunidade do Orkut (criada por mim) "Por Que Deus Ñ Cura Amputados?" Comunidade do Orkut criada em minha homenagem: Sou Fã de Fernando Thomazi

22 comentários:

"O Ninho dos Eco-chatos" disse...

Boa noite, meu irmão! Vi todas as informações neste blog, e percebi que se cercou de todos os cuidados contra os possíveis percalços que poderiam impedir que esse trabalho primoroso chegasse ao público que aprecia obras inteligentes e divertidas. Eu como seu irmãozinho mais velho, pois poderia ser o seu pai, e quando você era TJ, eu já havia sido desassociado, tenho por ti uma alta estima talvez até por termos tido caminhos parecidos em nossas infancias...Ah sim o meu perfil escolhido talvez te confunda com ele. O ninho dos eco chatos...mas, sou eu Ivo Linsmayer. Bem, vou ver os procedimentos e depois peço o lvro......Sucesso e forte abraço...

Fernando Thomazi disse...

Olá, Ivo (O Ninho dos Eco-chatos). Às vezes eu me sinto num dilema. É um pouco constrangedor para mim divulgar meu livro. Fico com receio de parecer um oportunista para tentar obter lucro em um nicho de mercado. Na verdade, eu estou apenas tentando recuperar o dinheiro investido na publicação. Hoje mesmo, eu enviei um livro totalmente de graça para uma amiga virtual do Rio de Janeiro (Mocinha, do Orkut). Vendi um exemplar a preço de custo a um colega de trabalho. Pretendo doar mais alguns exemplares para bibliotecas e escolas. Para amigos o preço é o de custo mesmo! Mesmo assim, eu não quero constranger ninguém a comprá-lo. Com o maior prazer eu disponibilizar o e-book na íntegra gratuitamente para download (pdf) aqui mesmo no blog. Eu tenho escrito mais de mil obras, e dentre elas, escolhi aquela em que mais me dediquei. Demorei um ano para ver apenas o texto terminado (não contando o tempo de revisão e formatação). Tentei deixá-lo o mais engraçado possível e confesso que há momentos que eu cheguei a chorar de rir. Mas, confesso que a versão censurada (comercial) perdeu um pouco da espontaneidade das falas que havia no original. Eu já pensei até em, quando sobrar apenas alguns exemplares, distribuí-los gratuitamente (cobrando apenas a taxa de correio). Um abraço, Ivo e até mais. Um dia eu te passo o arquivo da versão sem censura!

Gilberto Cavalheiro disse...

Olá Fernando, gostei muito do livro e achei o teu blog com ótimos textos, divertidos e críticos na medida certa. Gostaria de saber se posso colocar um link do seu blog no meu(http://naturalistaemcena.blogspot.com/).

E faz muito bem em divulgar o livro, há muito tempo esse tabu deve ser colocado de lado na nossa sociedade.

Abraços!

Fernando Thomazi disse...

Gilberto Cavalheiro... Eu o autorizo a linkar o meu blog no seu! Sinto-me lisonjeado até! Obrigado! Hoje, fechei parceria com uma livraria da minha cidade. Ele disponibilizará o livro para venda e até via net ela aceitará pedidos. Pedidos à Livraria Norma pelo e-mail: livrarianorma@uol.com.br ou acesse o site: www.livrarianorma.com.br

daniel disse...

Você se auto-censura e quer que os outros respeitem seu livro? Eu acho que esse é o problema dessa merda toda, todo mundo tem medo, o religioso tem medo do inferno e o ateu tem medo do religioso.
E eu, eu não tenho medo de porra nenhuma, só de ser mediocre, entende? Se eu escrevesse um livro, não iria ser eu a queima-lo... Se quiser me responda no email, sei que não vou voltar a esse blog, mas se tiver que me responder, por favor, não tenha medo, faça sem censura, não irei te processar... nagol.dpa@gmail.com

Fernando Thomazi disse...

Olá, Daniel! Primeiramente eu gostaria de agradecer à sua crítica. Bem, acredito que se alguém possui a capacidade de se auto-censurar, então isso é sinal de qua adquiriu maturidade suficiente para perceber o que pode e o que não pode ser dito. Isso não significa hipocrisia, e sim ética, racionalidade, respeito. Ex: supondo que eu sinta vontade de fazer amor com várias amigas, colegas de trabalho, transeuntes, etc, mas mantenha esse desejo em segredo, isso é uma forma de auto-censura. Com essa atitude eu demonstro respeito e ética social, pois seria constrangedor e desnecessário manifestar publicamente esse desejo. Afinal, trata-se de apenas um pensamento, não um plano alimentado e profundamente almejado. Conclusão: nós naturalmente não dizemos tudo o que pensamos e sentimos. Fazê-lo traria um prejuízo evitável para ambas as partes. Espero ter esclarecido a você (do meu ponto de vista) sobre esse controverso assunto que é a auto-censura, embora reconheça que estamos longe de esgotá-lo num simples comentário! Felicidades!

Pablo dos Anjos disse...

Parabens fernando pelo seu trabalho e intuito de tamanha racionalidade que você tanto de dedica a se tornar coletivo, espero que esse trabalho se torne um grande sucesso. estou linkando seu blogger no meu http://insanuspensatus.wordpress.com

Fernando Thomazi disse...

Olá, Pablo dos Anjos... Muito obrigado pelo "linkamento". Ser exposto a alegações incoerentes sobre um suposto Deus pessoal e não poder se manifestar democraticamente a respeito dessas alegações, eu consideraria isso um grande desperdício de energia. Fique na paz, irmãozinho!

Leandro disse...

Meu nome é Leandro, leio seus textos e vejo seus vídeos a algum tempo e gostaria de parabenizá-lo por este livro.
Como todo ateu metido a escritor, que é o meu caso, (estou excluindo você, que é escritor realmente) esse é nosso sonho comum, satirizar a bíblia e suas controvérsias.
Imagino que tenha total conhecimento sobre publicações e etc., mas entre nesse site, talvez se interesse em publicá-lo e colocá-lo à venda por meio dele. www.clubedeautores.com.br
Grande abraço e novamente parabéns pelo seu modo de expressão e idéias.
Mesmo sem prévia autorização, coloquei um link de seu blog no meu (se é que posso considerar o meu como um blog,rs, sou iniciante no assunto)

Fernando Thomazi disse...

Olá, Leandro! Obrigado pelos elogios! Publicar um livro foi um sonho realizado, principalmente algo tão pouco comum: um livro de humor ateísta! Ou melhor, uma crítica positiva à religião usando o humor como veículo! Leia bastante, converse com pessoas de opiniões diferentes e fique atento quando a sua criatividade aflorar. Ela é quase imprevisível! Obrigado por linkar o meu blog ao seu! Uma abraço laico pra você, meu querido!

Fábio disse...

Adquiri o livro.
Em menos de uma semana recebi, mesmo morando no interior da Bahia.
O livro só tem uma coisa chata. NÃO DÁ PARA PARAR DE LERRRRRRR!!!!!! (e rir) Assim estou sem tempo de ir ao culto (KKKKKKKK).
Sem piada agora; como não poderia deixar de ser, dado o sempre trabalho de escol de Fernando, o livro é D+, humor e crítica inteligentes. Sem ser ofensivo (já passei da metade da Obra), dá para ser lido por qualquer teísta, o livro mostra de forma clara e divertida como deus é sanguinário,cruel, vaidoso, vingativo, intolerante,
preconceituoso, etc.
O autor de forma divertida (mas sempre respeitando a fé alheia) certamente consegue levar qualquer um, mesmos o maior dos crentes, a refletir se de fato este deus, "todo poderoso", pode existir de fato ou não passa de um personagem de ficção.
Brilhante Fernando e parabéns.
Forte Abraço.
Fábio (ateu) Mello Veiga

Fernando Thomazi disse...

Eu é que agradeço pelos elogios, Fábio! Agora você entendeu por que é que eu quis registrar oficialmente essa obra-prima! Já tenho algumas idéias para o 2º livro da série (provavelmente uma trilogia) onde aguardamos a 2ª vinda de Jesus na Terra (parousia) para a guerra no Harmagedom, onde terá de usar todo o seu amor para queimar mais alguns bilhões de seres humanos com fogo do céu (outra vez!!!). Isso, é claro, segundo o livro psicodélico de Apocalipse a João, da Bíblia! Mas, que ele realmente se recuperou do trauma da crucificação? Não percam os próximos episódios dessa emocinante história!

Anônimo disse...

Ah, mais um "coroinha revoltadinho"?? E, funcionário público? Vai arrumar um emprego de verdade e para de gastar o dinheiro do contribuinte nessa merda! VTNC!

Anônimo disse...

Se Deus destrói as cidades de Sodoma e Gomorra é porque Deus tem o direito de fazer o que quiser com a sua criação, porque Deus é o criador.

E pela natureza e pelos pensamentos de Deus destruir essas cidades tendo crianças ou não, não ira fazer diferença, porque para Deus isso é justo, destruir aquelas cidades que as pessoas não estão adorando ele. E a justiça de Deus é diferente da justiça humana.

até mais

Matheus Vinícius.

Edvaldo Bezerra de Melo RELATOR disse...

Como referencial humano de SADABI, e por inspiração do mesmo, digo:

FERNANDO THOMAZI...

Caro amigo...

Não li tudo do seu blog, mas, em alguma coisa que li posso fazer este comentário e na certa vai servir para o resto que não li...
Não levo muito em consideração o seu livro e suas piadas para com DEUS...
Pois, o DEUS que acredito não é este que vc faz piadas...
Este deus que vc não acredita e faz piadas, na realidade é o deus das religiões que foi criado pelos homens, os sábios intelectuais, que criaram as religiões e o deus do sacrifício, quando fomentaram o povo a sacrificar Jesus, e 80 anos depois, traduziram os velhos pergaminhos, a verdadeira palavra de DEUS, como também reescreveram a historias de Jesus, colocando no livro com capítulos e versículos, e deturparam 10% da verdade das duas historias, (velho e novo testamento)...
E ainda, como tudo foi induzido pelo deus do sacrifício, aquele mesmo deus que ludibriou Abrão aconselhando a matar o seu filho Izaque, que se não fosse a interferência do Anjo do DEUS verdadeiro, Abrão teria feito o serviço de matar o seu filho...
Sobre o titulo do seu blog, porque DEUS não cura amputados? O DEUS que acredito não deve e não pode interferir na maldade dos homens, pois, sendo assim, ELE abusaria do seu poder...
ELE deixou suas leis e suas normas para o homem cumpri-las, portanto ELE não tem culpa deste homem perverso e corrupto, assumir o lugar de DEUS para agir por conta própria todo o mau que existe na Terra...
As imperfeições tanto de nascença, como de caso de acidente, são tudo da imperfeição do homem aqui na Terra, e não de DEUS, se o homem não tivesse se afastado de DEUS, nada disso estaria acontecendo, pois, nos mundos, nos céus, onde os homens estão ligado a DEUS, lá não existe imperfeição, nem doenças e nem morte...
No caso que vc se refere a Jesus, se LE tivesse criado naquela época o casamento Guy, Jesus teria ido em controversa com a lei da natureza, pois, nestes casos deste casamento não pode gerar , sendo assim, se torna uma controversa das coisa normais...
E tudo mais que vc se refere como erro de DEUS, são erros dos homens...
Sou um advogado dos direitos de DEUS neste planeta, defendo-O como defendo a minha vida...
Caso tenha alguma coisa a mim perguntar estou a sua disposição, e caso tenha alguma coisa sobre o que vc escreve, e quer tirar alguma dúvida pode fazer as perguntas necessárias...


ACESSE ESTAS PAGINAS:

http://relatoredvaldo.blogspot.com

http://recantodasletras.uol.com.br/autores/edvaldobmelo

http://teologia-divina.vilabol.uol.com.br/


Do relator EDVALDO.

juliahmagalhaes disse...

fiquei muito interessada no livro! será uma ótima fonte de pesquisa para o meu TCC sobre ateísmo!

Anônimo disse...

Hum...Vc sabia que a terra é uma matematica?Parece que foi esculpida a mão,pois se fosse alguns metros pra frente tudo queimaria e se fosse um pouco mais pra trás tudo congelaria...Sabia?Sabia que Einstein quanto mais olhava o universo cada vez mais pensava que havia uma força criadora?Não acha que precisa de muito mais fé para acreditar em que uma célula virou um ser humano perfeito e que nois evoluimos do rato ou olhar para os lados e ver a perfeição do planeta e acreditar em que algo uma força poderosa criou tudo?

Anônimo disse...

Vc sabe que existe um Deus não é?Algo aconteceu no seu passado e vc culpou a Deus pelo ocorrido não é?Mas ele te ama filho e quer perdoar seu passado e fazer uma nova historia pra vc,ele te ama e quer te salvar!Deus é misericordioso aceite a Jesus filho ele te ama e vc não pode mudar isso começe a repensar a sua vida,vc não quer acreditar mas acredita vc foge de Deus mas ele te acha e vc sabe.Estou aqui eu sou teu Deus!

Ricardo disse...

Esse tal de Anônimo está desesperado! Tô rindo muito! Anônimo, faz o seguinte: reza para o seu deus para ver se o Fernando e eu viramos crente. rsrs

Where´s your god now?

BiG disse...

Acredito na existência de um Deus, mas claramente não no Deus da Bíblia... rs

Me interessei pelo livro, onde posso comprá-lo?

Fernando Thomazi disse...

Após ler a parte técnica do livro nesta mesma postagem, valor e outros dados, add no MSN: fernando.thomazi@itelefonica.com.br para obter a conta corrente para depósito e outras orientações. Ou então, me procure no Orkut, nos links no final da página. Um abraço!

theoz disse...

A crença cética ou ausência de crença é baseada na razão? Quem disse? Ate hoje, um cético, nunca conseguiu provar que usa a razão com maior eficiência do que um não Cético. Esse tipo de argumentação são frutos de doutrinação do uso da falsa dicotomia entre ciência e fé, além da associação forçada entre ciência e ateísmo. Junto com essas, existe a técnica de programar no cérebro a falsa dicotomia entre fé e razão. Essa técnica de manipulação mental se condiciona a doutrinação conclusiva de achar que está do lado da razão, e seu adversário não. Como se nota, eles são vítimas de manipulação psicológica de potencial danoso ao raciocínio. Como isso provavelmente já está tão enraizado em suas mentes, que estes, não possuem critérios para defender as dicotomias que alegam. O cético precisa provar qual argumento em específico demonstra que a alegação teísta é ausente de coerência e evidências. Quem tem o ónus de demonstrar, é sempre quem acusa/afirma/alega/declara, seja existência, seja inexistência, caso contrário, não é um debate mas um julgamento injusto.

Acaso pode sair algo do nada? Alguém pode provar que o nada pode criar algo? Não há efeito sem causa. Procure a causa de tudo o que não é obra do homem e a razão o responderá. Para crer em Deus é suficiente lançar os olhos às obras da criação. O universo existe; ele tem, portanto, uma causa. Duvidar da existência de Deus seria negar que todo efeito tem uma causa, e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa. Vários estudiosos já apontaram diversas evidencias, William Lane Craig, propôs A criação do universo: Se Tudo que começa a existir tem uma causa, o universo começou a existir, Portanto, o universo teve uma causa. Gottfried Willhelm Leibniz propôs o Argumento da contingência: Por que existe algo ao invés de nada?